Castlevania: Symphony of the Night


Castlevania: Symphony of the Night (SotN) é um jogo de ação/aventura desenvolvido pela Konami Computer Entertainment Tokyo e publicado pela Konami para o PlayStation em 1997. No ano seguinte, foi lançada a versão para Sega Saturn exclusivamente no Japão. Seu título japonês é Demon Castle Dracula X: Nocturne in the Moonlight (Akumajo Dracula X: Gekka no Yasokyoku) que faz parte da série Castlevania, seqüência direta de Demon Castle Dracula X: Rondo of Blood para o NEC PC Engine/TurboGrafx 16.

A história gira em torno de Adrian Fahrenheights Tepes, filho do Conde Drácula com a humana Lisa, e portanto, nascido um meio-vampiro. Lisa defendia os humanos e ensinava isto a Adrian até que foi condenada à morte na fogueira por seus semelhantes que odiavam Drácula. Depois de ver sua mãe morta, Adrian desenvolve um sentimento de ódio por seu pai que não fez nada para impedir a morte de Lisa, e por isso, muda seu nome para Alucard, pois deseja ser o oposto de seu pai, Drácula.

Drácula, na saga Castlevania, é o Senhor dos Vampiros a quem o Clã Belmont de caçadores de vampiros tem a missão de derrotar e para isso passa de geração para geração o chicote sagrado, Vampire Killer. Drácula renasce a cada século quando a nova geração dos Belmont tem o dever de mais uma vez destruí-lo. Alucard havia ajudado um membro deste clã, Trevor Belmont, a destruir seu pai imortal em Castlevania III: Dracula's Curse, lançado para NES, e depois disto, adormeceu com a finalidade de ocultar seus poderes vampíricos.

O jogo tem início em 1792, quando Richter Belmont completa sua sina de destruir o Conde Drácula que havia sido ressuscitado pelo Padre Negro Shaft, mas 4 anos depois, Richter desaparece misteriosamente. Pressentindo o mal em ação novamente em sua terra natal, Alucard desperta do sono de 300 anos e segue para Castlevania, o castelo de Drácula, ao mesmo tempo que Maria Renard entra a procura de Richter, seu cunhado.

Castlevania: Symphony of the Night, diferente dos jogos anteriores da saga, inova com características de RPG como sistema de Level Power Up, itens, equipamentos e a possibilidade de explorar livremente o cenário pois o jogo não é mais dividido por fases.

Os gráficos e sons, evoluíram muito nesta versão para Playstation. Todo o cenário, os personagens e monstros são repletos de detalhes. Efeitos de luz e sombra deixam o visual do game impecável para um jogo em 2D. As famosas trilhas sonoras de Castlevania ficaram ainda melhores agora com a qualidade de CD nas composições de Michiru Yamane. A desenhista Ayami Kojima teve sua participação na posição de designer dos personagens de Symphony of the Night. O jogo tem uma quantidade impressionante de desenhos de personagens e monstros, o que proporciona a eles animações suaves, em contraste com os movimentos limitados dos jogos anteriores. O novo estilo pode ser notado nos games posteriores da saga Castlevania como Harmony of Dissonance e Lament of Innocence.

Apesar de não ter sucesso imediatamente após seu lançamento nos Estados Unidos, Symphony of the Night ainda está presente na lista dos melhores jogos de todos os tempos.


2006 - 2017 Deixadilson - Adilson Adeodato Azevedo
deixadilson@deixadilson.com